XEQUE-MATE

 Por Renato Uchôa (Educador)

 

 

 

O Juiz Moro e os procuradores da Lava Jato, da República Corrupta do Paraná, para a imprensa internacional, para todos nós, não passam de alcoviteiros. E fazem parte, na teoria e na prática, das elites mais perversas de lá, que tornaram o Paraná um Estado de Terra Arrasada.

Foram educados para ter o comportamento deplorável que os caracteriza na violência de destruição do ordenamento jurídico, inclusive no escândalo do Banestado, na política do mexeu com a elite, mexeu comigo, dizem eles intimamente. Não fosse a composição do Congresso, um Bloco de Meliantes Políticos da mais abjeta periculosidade, uma CPI séria para investigar o Caso Banestado, estariam esperando a quentinha  no presídio.

Criados desde pequenos, pivetes que ao invés de dormir no berço, sempre brincaram em um tacho de intolerância. Não são operadores da Constituição, apenas galos genéricos criados em poleiros de ouro, que não cresceram, atrofiaram e continuam sendo pintos gouguentos até na voz. Curitiba, com o silêncio, deu uma resposta aos truculentos da justiça que perseguem Lula e a esquerda, quando ouviu o grito da liberdade da militância de todo o Brasil.

Parabéns para o povo de Curitiba, que já a um mês antes do depoimento de Lula, ontem dia 10, nas ruas e avenidas de lá, deixou bem claro para o juiz Moro: se vira mané protetor dos tucanos. O vídeo patético que fez se dirigindo a parcela da população que apoia a Lava Jato, foi para justificar o fracasso, que seria manter uma convocação contra Lula, e a declaração espúria tão esperada pelas Elites, “esteja preso Lula”.

A militância que foi a Monteiro na Paraíba e a Curitiba, a história vai provar, escreveu uma das páginas mais belas da luta contra o Estado de Terror. Xeque-Mate para a sucursal do golpe em Curitiba, que mesmo com o aparato repressivo, urinou nas calças e recuou na prisão de Lula, baseado apenas em fuxico e no cumprimento dos capítulos da novela da globo e a mídia golpista, que não tem a decência de reconhecer que Lula mudou o país de cabo a rabo.

 

  Sérgio Arruda

Mais recente:COMO ESTAMOS MAL PROTEGIDOS COM NOSSAS ESCOLHAS HUMANAS

    

Ana Paula Romão      

Mais recente:MORO, ONDE NÃO MORA A JUSTIÇA

 

 Renato Uchôa 

Mais recente: MORO, ONDE NÃO MORA A JUSTIÇA 

 

Ana Liési Thurler
 Mais recente:   Percalços inescapáveis do capitalismo

 

Luiz Francisco Guil

Mais recente: ENTRE PERDIDOS E ACHADOS                       

                
 

Artigos

links

Esta seção está em branco.

OPINIÃO

Estratégia, onde estais?

      Por Paulo Carneiro Aonde está a estratégia do pós GOLPE? Alguém sabe me dizer, qual foi a estratégia da Dilma, do PT, ou de quem quer que seja, antes do golpe, para impedir o GOLPE? Pois é, eu, estou aqui no Facebook, há anos, sempre defendendo a legalidade, sempre alertando...

Tchau

                                Por Mirian Mantovani Tchau, Querida!    Tchau, Cultura!      Tchau, Cotas!        Tchau, Índios!        ...

Esta seção está em branco.

Artigos