O QUE É PRECISO PARA O IMPEACHMENT DO GILMAR?

Por Jeferson Miola     

 

 

A decisão do Gilmar Mendes de livrar da cadeia os empresários da máfia dos transportes do Rio de Janeiro escandalizou até mesmo a mídia hegemônica – a mesma que tem como procedimento padrão acobertar os desatinos, os desvios funcionais e as ilegalidades deste juiz do STF de participação essencial na engrenagem do golpe e na sustentação da cleptocracia do Michel Temer.

Com a concessão de habeas corpus em favor do empresário mafioso Jacob Barata Filho, Gilmar ultrapassou todos os limites do decoro exigido para o exercício do cargo, e roçou o fundo do esgoto para salvar – com o perdão do trocadilho – o Barata.

A suspeição do Gilmar para atuar no caso do empresário é claríssima e indiscutível. São notórios os vínculos familiares, sociais e societários entre este empresário, preso numa etapa da Lava Jato, e Gilmar, sua esposa Guiomar e um sobrinho dela:

- Gilmar foi padrinho de casamento da filha do Barata, em 2013, com o sobrinho da sua esposa, a advogada Guiomar Feitosa Mendes;

- Chiquinho Feitosa, o irmão de Guiomar que, assim como Barata, também explora serviços de transportes interurbanos e interestaduais, tem sociedade com Barata numa administradora de cartões de crédito de vale-transporte em Fortaleza;

- a esposa de Gilmar integra o escritório de advocacia que defende os interesses de empresas do Barata;

- a CNT [Confederação Nacional dos Transportes], quando Barata exercia a vice-presidência, patrocinou evento promovido pelo Instituto de Direito Público, do qual Gilmar é fundador e sócio.

Apesar destes motivos bastante robustos, Gilmar não se considerou suspeito: julgou e concedeu o habeas corpus para o Barata, mesmo que o Código de Ética, a Lei da Magistratura e o Código de Processo Civil digam textualmente que ele estaria impedido de fazê-lo.

Em países civilizados e nas nações onde vige o Estado de Direito, um desvio desses seria causa suficiente não somente para a suspeição de qualquer juiz e seu consequente afastamento do caso concreto, mas justificaria o impeachment do juiz de qualquer Corte Suprema.

Muito mais grave que a não suspeição, contudo, foi a concessão de habeas corpus para réus contra os quais são irrefutáveis as provas de práticas de crimes graves e de afronta à justiça.

Além do Barata, preso no aeroporto do Rio de Janeiro quando embarcava para fugir do país, Gilmar também liberou da prisão Rogério Onofre, ex-presidente do Departamento de Transportes Rodoviários do RJ, que foi gravado fazendo ameaças de morte a outros integrantes da máfia para receber seu butim.

Gilmar Mendes debocha do país. Ele já fez o possível e o impossível que justificaria seu afastamento do cargo para o qual nunca teve os predicados necessários para exercê-lo, uma vez que lhe falta a “imparcialidade, cortesia, diligência, integridade, dignidade, honra, prudência e decoro” requeridas de um juiz [Código de Ética da Magistratura].

Ao longo da trajetória como militante do PSDB no STF – e, especialmente no último período, atuando como artífice do golpe e conselheiro político do bloco golpista e do usurpador Michel Temer – Gilmar violou praticamente todas as regras e leis que um magistrado deve obedecer.

Durante o golpe de 2016 o ex-presidente Lula advertiu, com razão, que o STF tinha se acovardado diante do arbítrio dos procuradores, policiais federais e juízes da Lava Jato. Caso os dez juízes e juízas que integram a Suprema Corte não agirem para punir o colega Gilmar Mendes, estarão confirmando outra vez aquela afirmação do Lula.

Assim como para o STF, ao Senado não resta alternativa: ou executa o inciso II do artigo 52 da Constituição Federal, que lhe dá competência para processar e julgar Gilmar Mendes pelo crime de responsabilidade, ou então dará mostras do seu acovardamento diante de um dos personagens mais nefastos e asquerosos do Brasil contemporâneo.

 

 

  Sérgio Arruda

Mais recente:COMO ESTAMOS MAL PROTEGIDOS COM NOSSAS ESCOLHAS HUMANAS

    

Ana Paula Romão      

Mais recente:MORO, ONDE NÃO MORA A JUSTIÇA

 

 Renato Uchôa 

Mais recente: MORO, ONDE NÃO MORA A JUSTIÇA 

 

Ana Liési Thurler
 Mais recente:   Percalços inescapáveis do capitalismo

 

Luiz Francisco Guil

Mais recente: ENTRE PERDIDOS E ACHADOS                       

                
 

Artigos

links

Esta seção está em branco.

OPINIÃO

E SEGUE O BRASIL A SENDA DO GOLPE...

  Por Lucélia Araújo              Quando será, nosso Deus, que haveremos de nos libertar? Notícias circulam que a inflação caiu abaixo dos patamares previstos: dos 4,5% para 4,08% nos últimos 12 meses e tudo graças ao sacrifício dos mais de 13 milhões de...

AS DORES E AS DELÍCIAS DE SER LUIZ INÁCIO!

  Por Edson Roberto     Luiz Inácio avisou, não seremos subservientes a nenhuma nação do mundo, o Brasil buscará o seu espaço. Luiz Inácio avisou, nenhum ministro do meu governo tirará sapatos para entrar em nenhuma nação, e isso aconteceu em outro governo. Luiz Inácio avisou,...

A CONSTITUIÇÃO ENLAMEADA

  Por Cleusa Slaviero                            É uma vergonha o vídeo do Moro fingindo que está preocupado com o povo. Isso é truque e bons leitores de discursos já elencaram as pretensões do juiz que faz lembrar...

LULA

 Por Messias Cardoso              Lula é um ser humano de uma doçura inenarrável de fazer cócega na alma. Mas mesmo assim os "Moros” e coxinhas da vida, o odeia. O Lula é um ser humano fantástico, nascido na periferia do Brasil, fez a maior revolução...

LINCHANDO ELIKA

 Por Wilson Gomes            Elika Takimoto. O nome dela te diz alguma coisa? É escritora, já ganhou prêmio literário, tem um blog, escreve lindamente. Elika é também professora. De Física. Recentemente deve ter chamado a sua atenção como "a professora que...

O FUTURO ESTÁ EM VOCÊ!

  Por Lamartine Veiga        Ontem foi um dia em que o corpo se encontrou com seu ser e desse encontro à resistência se fez claridade -- foi uma luz de 35 milhões de corpos que descobriram que ser é muito mais que viver -- assim escreveu Martin Heidegger no seu magnífico...

MORO RECUA. SERÁ?

 Moisés Mendes          Não se ouviu uma única voz de jurista, uma só, em defesa da decisão de Sergio Moro de que Lula deveria estar presente em todas as audiências com suas testemunhas em um dos processos da Lava-Jato. Hoje, Moro recuou. Não porque tenha decidido ser...

ODEBRECHT, O CRÂNIO

    Por Ricardo Eugênio     Temos de tirar o chapéu para a inteligência de Marcelo Odebrecht. Até agora, entre todos os torturados em Curitiba com a única finalidade de jogar Lula na prisão, foi o único a conseguir sua liberdade gozando a cara do fascista Sérgio Moro. Ao...

PROVOCAÇÕES

 Por Moisés Mendes (Jornalista)                 Desde ontem à tarde lido com duas provocações, sem saber destrinchar nenhuma delas. Tomei 14 mates agora de manhã, enquanto caía um chuvisco, e fiquei ainda mais confuso, quando geralmente o...

QUEM QUER DINHEIRO?

  Por Dane Andrade          Eu sou fã do Sílvio Santos e dos seus programas, mas tem um específico que me remete aos acontecimentos da nossa política. Antes de falar sobre isso, eu queria mandar um beijo para a jornalista mais competente da emissora, a francesa...

Esta seção está em branco.

Artigos

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!