CAUSAS e EFEITOS

   Por Sérgio Arruda       

 

 

  Lembro de há pouco tempo haver um programa de TV em que um médico o titulava explicativamente com VOCÊ É O QUE COME...Era a pregação que queria mostrar aos seus expectadores, com muito sentido. Usando sua técnica de comunicação podemos inferir que nós, a sociedade, somos o que a vida produziu. Brasileiros que se erguiam na incipiente democracia do pós-guerra, em que os valores patrióticos eram mais os colocados nos cinemas de glorificação americana, viram o drama da renúncia de Jânio Quadros que havia se eleito com mensagem de dignidade e ao sair expôs sua derrota a "forças terríveis". Verdadeiro ou não o seu gesto, seguiu-se de conluios no mínimo imorais de diversos matizes a exprobrá-lo, mas com intuitos de se aproveitar para se colocar no poder via golpe.  Não conseguindo no primeiro impulso, passaram a trabalhar com meios dos EUA que em nada aprovavam a independência do renunciante.

Fundações+FIESP+Maçons cuidaram de fomentar a mudança do rumo político - claro - a favor dos americanos...E O POVO? Como se diz de cegos em tiroteio, a cada dia sabia de cachorrada dos fardados que, autorizados por um coronel Walters, estipulou qual marechal iria tomar conta do butim. Isso contribuiu para formar um degrau de patriotismo? CLARO QUE NÃO! Se os nacionais se puseram de cócoras, como exaltá-los? O pior é que viria condução continuada desse infame golpe - A MÍDIA DESONESTA QUE A TUDO SE PRESTOU NA CONQUISTA DOS EUA - continuaria a trabalhar corações mentes dos males alfabetizados brasileiros que, a essa altura já tinham filhos e netos nascidos sob jugo dos invasores e nem ajuda material poderiam ter.

A exceção de turba mansa era de poucos, muito poucos, pois não é da índole nossa apoiar lutas, há nítida preferência por um sofá. Toda a recuperação de aparência política se deu pelo conjunto de poucos corajosos e pela incapacidade de fardados gerirem o país que se afogava em dívidas e espertamente quiseram largar a batata quente. E O POVO? Em seu berço esplêndido nem tocava no assunto porque ao tempo dos iluminados militares foram ensinados a calar-se sob medo.

Consentido retorno à democracia a Mídia safada continuou como arma dos senhores e prestigiou um FHC, cabotino e agente duplo, para fazer complemento de capitulação - vendendo o que o país conquistara em mais de 50 anos na bacia das almas. Eis que surgiu uma pregação de cunho popular, mas com apoio e benção intelectual - o PT - cujo líder, carismático tinha ideal e persistência.

Como se o sol surgisse após tempestade, assistimos recuperação de parte da destruição material do nefasto FHC, recuperação de fé de grande número de brasileiros e retorno de dignidade de governante que não tinha vertigem de altura ao tratar com líderes do mundo. O Brasil ascendeu de lugar abaixo do décimo para a sexta posição de nação em desenvolvimento. A política de recuperação social e humana deu exemplo seguido por países mais desenvolvidos. MAS E O POVO? Sob influência da mesma mídia mantinha admiração pela bandeira dos invasores e predadores.

E, agora, colocam mais a pimenta do esnobismo, de ser racista, egoísta e não querer participação de MAIS pobres do que eram, como se pintar cabelos os fizesse mais limpos. O Brasil, em 2014, na reeleição de Dilma tinha a posição de reservas internacionais de 380 bi, com parte dando suporte ao FMI de quem sempre foi escravo sob FHC. HAVIA, sim, redução de arrecadação por consequência de crise mundial em que muitos países suportavam (vide Argentina).

Mas a querela era outra - um cafajeste-capacho que já delinquia com o NIOBIO e por isso ter costas "quentes" americanas. Ao ser DERROTADO nas urnas fez pública declaração de que arregimentaria forças empresariais, do congresso venal e políticos idem, para impedir o governo Dilma...Sabia de sua força com apoio dos braços de agente EUA, como FHC+Serra e bagrinhos outros. CRIOU com ajuda dos probos togados uma FARSA em que não pode assumir por ter ficha corrida impeditiva, mas mandaria por meio de um anão decorativo.

E O POVO? Povo que teve espoliado seu ideal da pátria desde 61, com renuncia sem explicação idônea, que assistiu golpe de quem deveria proteger o presidente legítimo (como Brutos fez com Cesar), já nem sabe mais onde se meteu o chamado sentimento de pátria. Nem sabe quem manda com tantos vermes fardados e togados circulando nas páginas de jornalixos expondo toda falta de decoro e decência. Pressente, apenas isso, que nem há mais Brasil, visto que forças armadas não deram proteção nem a presidenta e a destruição se generalizou com extinção de indústria naval, entrega do Pré-Sal e partes mais rentáveis de Petrobrás.

Resta a todos a resignação de o banco do brasil ao ser entregue aos invasores não lhes roube o valor das aposentadorias de que já se jactam de ter porque seus filhos nem isso terão. Não há como cobrar patriotismo da chusma que vive sob exemplo de traidores, conspiradores e capachos. São o que a vida fez deles. Pobre país !!

Foto: Ficha Corrida

 

  Sérgio Arruda

Mais recente:COMO ESTAMOS MAL PROTEGIDOS COM NOSSAS ESCOLHAS HUMANAS

    

Ana Paula Romão      

Mais recente:MORO, ONDE NÃO MORA A JUSTIÇA

 

 Renato Uchôa 

Mais recente: MORO, ONDE NÃO MORA A JUSTIÇA 

 

Ana Liési Thurler
 Mais recente:   Percalços inescapáveis do capitalismo

 

Luiz Francisco Guil

Mais recente: ENTRE PERDIDOS E ACHADOS                       

                
 

Artigos

links

Esta seção está em branco.

OPINIÃO

AO SOM DA FOME

 Por Lúcia Costa                Eu tenho 49 anos. Desde criança via comícios, não perdia um, até onde dava. Aos 13 anos comecei a sentir vontade de entrar para a política ao ouvir aqueles homens. Eram só homens, falando bonito. Nos seus discursos...

O RECADO

Por Cleusa Slaviero        Para me apoiar  por causa do desânimo (preocupação), que me acometeu hoje, o George Mello disse: "menos expertise e mais luta, mais determinação." Ele quis dizer que as ações que realizamos na resistência, nesse momento, são mais importantes...

SOBRE A TENDÊNCIA HISTÓRICA E O FUTURO DO BRASIL

   Por Cristiano Camargo                    Toda Revolução Histórica tem um ponto de ruptura, da conjuntura anterior para a nova que surgiu pós- revolução, e que serviu de estopim para incendiar estas revoluções. Pois bem, estamos...

MARIELLE: BRASIL CHORA POR SUA MAIS NOVA MÁRTIR

Por Sérgio Botêlho           Há um mau cheiro no ar. E esse mau cheiro não vem do corpo inerte de Marielle. Esse mau cheiro vem dos seus assassinos. Esse mau cheiro vem de uma sociedade historicamente baseada em podres poderes. Negra, mulher, feminista, pobre...

TÁ FALADO

 Por Rosangela Lima              Madrugada alta e eu aqui, escrevendo textão. Pouca gente vai ler, mas é bom desabafar, então... Percebo nos olhares, nas críticas e alguns ataques, a incompreensão de muita gente do meu convívio com o fato de continuar na...

A MULHER E O VOTO

Por Inês Duarte          Não é de hoje que as mulheres possuem a disposição de lutar por respeito, igualdade de direitos, reconhecimento de seu papel, não apenas na sociedade, mas também, junto ao parceiro, como geradora de filhos, de gerações e que traz consigo o...

QUEM FOI LUCIANA DE ABREU?

 Por Carla Kunze            Não há o que comemorar hoje. Há apenas do que reclamar. A crise provocada pelos golpistas está atingindo principalmente as mulheres. Seja porque elas hoje são as provedoras das suas famílias e o desemprego as atingiu muito mais do...

MEXEU COM LULA, MEXEU COM A GENTE

 Por Inês Duarte          Estão divulgando nas redes sociais a possibilidade das manifestações em POA tornarem a cidade num campo de batalha. Não por nossa gente, não pelas forças progressistas, mas pelas forças do retrocesso da civilização. Eu e todos que partem do...

A VIDA É BELA

Por Francisca Frida             Hoje me sinto um pouco mais forte e quero lhes contar um fato só para que vocês vejam até que ponto chega a maldade humana... Algumas vezes eu disse aqui que tinha vontade de ir para outro planeta, e que os seres humanos me...

REFLEXÕES SOBRE O SUICÍDIO

   Por Márcia Tigani     Encerro meu dia com reflexões sobre o tema de hoje no facebook: o suicídio. Aliás esse é tema do dia à dia, muito embora as pessoas o neguem, finjam não enxerga-lo, passem a bola para os " coletivos", digam que é " coisa pra psicólogo, psiquiatra e...

es-Notícias

O Golpista

                                                                                    ...

Eu acredito é na luta

                                                                                   ...

O recado

                                                                                   ...

AO PREFEITO ARTUR NETO

                                                                                    ...

Olá amigos/as

                                                                                   ...

RESPOSTA À DIREITA E AO PIG

                                                                                   ...

ACREDITAMOS NO BRASIL!

                                                                                   ...

Artigos