A GERAÇÃO DO ÓDIO E PRECONCEITO

                                                             

Por Márcia Tigani

 

 

A sociedade brasileira de fato está muito adoecida. Falo do ponto de vista de uma patologia social que se aprofunda a cada dia, que se chama FASCISMO.
Do ponto de vista psiquiátrico, os diagnósticos médicos servem para indivíduos apenas, não para grupos. Mas do ponto de vista da organização social, da ideologia política que se expande dia a dia em qualquer camada social, identificada com a truculência, a desigualdade e a violência, a sociedade brasileira está muito comprometida.

As causas não são apenas decorrentes do golpe midiático-legislativo-judiciário hora em curso no país, mas são potencializadas por ele. Ninguém virou fascista só a partir do golpe: as sementes do fascismo foram lentamente plantadas no cérebro dos indivíduos. E agora dão seus " frutos" nefastos: é decretada a pena de morte nos presídios brasileiros e o cidadão comum se regogiza disto.

 A homofobia se oficializa em cada indivíduo morto porque é homossexual e o cidadão brasileiro vibra. Índios são abertamente hostilizados em programa de TV e ruralistas elevados à maior grau de importância por jornalistas de direita, e o cidadão brasileiro concorda. O cidadão a que me refiro é a massa, a tal massa de manobra que apoiou golpe contra presidenta honesta e saiu às ruas pedindo intervenção militar e a ajuda dos EUA para tirar do poder presidenta e partido eleitos democraticamente.

Vejo adolescentes apoiando as falas nazifascistas de Bolsonaro. Convivo com pessoas que tiveram as mesmas oportunidades educacionais que tive em escola, mas que por conta de sua alienação televisiva e cultural tornaram-se abertamente fascistas. E convivem no mesmo espaço que eu, o que me traz extremo desconforto: viver e conviver com pessoas reacionárias, que pedem a volta da ditadura, que elevam Sérgio Moro a seu ídolo e que preferem seu país destruído apenas por quererem detonar um partido, confesso que me deprime.

 Partido este que aproximou as classes sociais, elevando pobres à classe média, investiu pesado em programas sociais da magnitude de um Bolsa Família (copiado por diversos países) e que retirou milhares da miséria secular em que viviam, eliminando a fome. O que restou do meu país depois da deposição de Dilma Roussef é objeto para estudos sociológicos aprofundados: um país que caminha célere para a autodestruição, como uma autofagia, sob olhares apáticos e permissivos de quem vivenciou na pele a saída da miséria, mas não sabe como reagir.

O fenômeno é quase comparável à uma psicose coletiva. Imagino de onde venha a apatia, abulia e alienação da massa: foram décadas após o último golpe, sendo doutrinados pela Rede Globo e outros meios de comunicação, numa constante "lavagem cerebral" potencializada pela decadência da educação brasileira nas escolas públicas. A geração zumbi deixou de usar a massa encefálica: repete como bonecos de ventríloquos o que leem na revista Veja e o que assistem no Jornal Nacional.

O país sendo destruído em 8 meses de desgoverno golpista sob olhares permissivos. A barbárie sendo oficializada sob olhares que consentem com a violência às minorias. O Pré-Sal que garantiria a elevação das futuras gerações a níveis educacionais de primeiro mundo, rapidamente vendido a preço de banana, e o brasileiro classe MÉRDIA calado, e o pobre calado, e a " esquerda" brasileira apática. Pobre nação zumbi , sociopatizada e entregue à fantasia, ao delírio e ao fanatismo religioso.

Foto: Plantão Brasil

 

  Sérgio Arruda

Mais recente:COMO ESTAMOS MAL PROTEGIDOS COM NOSSAS ESCOLHAS HUMANAS

    

Ana Paula Romão      

Mais recente:MORO, ONDE NÃO MORA A JUSTIÇA

 

 Renato Uchôa 

Mais recente: MORO, ONDE NÃO MORA A JUSTIÇA 

 

Ana Liési Thurler
 Mais recente:   Percalços inescapáveis do capitalismo

 

Luiz Francisco Guil

Mais recente: ENTRE PERDIDOS E ACHADOS                       

                
 

Artigos

links

Esta seção está em branco.

OPINIÃO

UMA QUESTÃO DE SENSIBILIDADE

  Por Ana Lúcia Alves          Dizem que sou sensível...pois vou contar onde aprendi a ser assim. Convivo a pelo menos 20 anos em hospitais cumprindo meu oficio de cuidar...e lá aprendi...Que paredes de hospitais, já ouviram preces mais sinceras e honestas do que em...

SOLIDARIEDADE NÃO SE PEDE

   Por Claudete Galli                Quero relatar um fato que ocorreu ontem quando eu estava na Vigília Lula Livre. Eu cheguei bem no momento em que o Stédile estava falando, como havia sido a visita ao Lula. Uma observação, então cada vez que o...

EM DIA DE JOGO DA COPA

  Por Igor Grabois            O Brasil é grande nos mais diversos sentidos do termo. Existem cinco países que estão, simultaneamente, entre os dez maiores PIB’s, territórios e populações. O Brasil é um deles. O maior país africano fora da África, só a Nigéria é...

ESTÃO NOS FAZENDO DE BOBOS, BRINCANDO DE DEMOCRACIA.

 Por Inês Duarte                   Não pode haver perdão ao ministro Edson Fachin. Ele traiu o povo brasileiro, traiu a democracia, a Constituição Federal e traiu principalmente ele próprio, quando deixou de cumprir a missão que se comprometeu...

AO SOM DA FOME

 Por Lúcia Costa                Eu tenho 49 anos. Desde criança via comícios, não perdia um, até onde dava. Aos 13 anos comecei a sentir vontade de entrar para a política ao ouvir aqueles homens. Eram só homens, falando bonito. Nos seus discursos...

O RECADO

Por Cleusa Slaviero        Para me apoiar  por causa do desânimo (preocupação), que me acometeu hoje, o George Mello disse: "menos expertise e mais luta, mais determinação." Ele quis dizer que as ações que realizamos na resistência, nesse momento, são mais importantes...

SOBRE A TENDÊNCIA HISTÓRICA E O FUTURO DO BRASIL

   Por Cristiano Camargo                    Toda Revolução Histórica tem um ponto de ruptura, da conjuntura anterior para a nova que surgiu pós- revolução, e que serviu de estopim para incendiar estas revoluções. Pois bem, estamos...

MARIELLE: BRASIL CHORA POR SUA MAIS NOVA MÁRTIR

Por Sérgio Botêlho           Há um mau cheiro no ar. E esse mau cheiro não vem do corpo inerte de Marielle. Esse mau cheiro vem dos seus assassinos. Esse mau cheiro vem de uma sociedade historicamente baseada em podres poderes. Negra, mulher, feminista, pobre...

TÁ FALADO

 Por Rosangela Lima              Madrugada alta e eu aqui, escrevendo textão. Pouca gente vai ler, mas é bom desabafar, então... Percebo nos olhares, nas críticas e alguns ataques, a incompreensão de muita gente do meu convívio com o fato de continuar na...

A MULHER E O VOTO

Por Inês Duarte          Não é de hoje que as mulheres possuem a disposição de lutar por respeito, igualdade de direitos, reconhecimento de seu papel, não apenas na sociedade, mas também, junto ao parceiro, como geradora de filhos, de gerações e que traz consigo o...

es-Notícias

O Golpista

                                                                                    ...

Eu acredito é na luta

                                                                                   ...

O recado

                                                                                   ...

AO PREFEITO ARTUR NETO

                                                                                    ...

Olá amigos/as

                                                                                   ...

RESPOSTA À DIREITA E AO PIG

                                                                                   ...

ACREDITAMOS NO BRASIL!

                                                                                   ...

Artigos