Infância de chumbo

                                                                                                       

                                                                 g1.globo.com

Por Eglê Kohlrausch

Em um  dia como hoje(07/09), em que as manifestações democráticas se multiplicam pelo Brasil, comemorando ou protestando, li uma postagem que me lembrou da infância no colégio. Falava sobre as vivências escolares nos anos de chumbo e o papel do pai na construção de seu pensamento marxista. Eu lembrei a raiva que sentia a me ver obrigada a saudar homens que meu pai dizia serem perigosos e muito poderosos, e minha avó falava que sumiam com pessoas que não concordavam com eles... Estudei em colégio de freiras, e lembro-me de ser obrigada nos primeiros anos de escola a ir para uma avenida que ficava perto, para marchar. Ou então de ter que ir acenar bandeirinha do Brasil no lugar em que passavam os ditadores militares que estavam a caminho do Palácio Piratini, para visitar o governador... Podia estar chovendo, era compulsório estar lá, rindo e acenando para o Médici, e depois o Geisel... Todos eles passaram e não voltarão.Nós que defendemos a liberdade, a democracia, somos os meninos e as meninas que jamais apertaremos as mãos de um ditador. Hoje há quem peça a volta desses tempos sombrios, em que não tínhamos direito de escolha. Só quem não estava nascido ainda pode achar que os tempos duros da ditadura poderiam ter sido bons...

 

  Sérgio Arruda

Mais recente:COMO ESTAMOS MAL PROTEGIDOS COM NOSSAS ESCOLHAS HUMANAS

    

Ana Paula Romão      

Mais recente:MORO, ONDE NÃO MORA A JUSTIÇA

 

 Renato Uchôa 

Mais recente: MORO, ONDE NÃO MORA A JUSTIÇA 

 

Ana Liési Thurler
 Mais recente:   Percalços inescapáveis do capitalismo

 

Luiz Francisco Guil

Mais recente: ENTRE PERDIDOS E ACHADOS                       

                
 

Artigos

links

Esta seção está em branco.

OPINIÃO

O VOTO E O BEIJO

  Por Liu Sampaio            Ver um procurador da república defender as 10 medidas contra a corrupção feitas pela própria PGR, alegando que 2 milhões de pessoas assinaram o abaixo assinado é no mínimo infantil. Onde estão as outras 142 milhões de pessoas que não...

GRAÇAS A LA VIDA

    Por Lúcia Helena Issa     Amigos lindos, muitos de vocês sabem que morei em CUBA durante alguns meses, quando estava terminando a Faculdade de Jornalismo, para descobrir o que sentiam, com o que sonhavam e como viviam os cubanos e para escrever a minha dissertação, que...

O BRASIL DA CARA SUJA

 Por Márcia Tigani      O Brasil de 2016 é a própria tragédia. O acidente matando quase o time todo do chapecoense vem para " acabar de acabar" com este nefasto ano. Um país onde o fascismo cresce, a intolerância racial, religiosa e homofóbica são imensas, um país DESgovernado...

UMA ESMOLA AÍ

 Irnac Valadares                                        Então o Moro investiga há mais de 3 anos o sumiço de 40 bilhões da Petrobras, abre uma caçada ao Lula. Conforme as grandes mídias era...

Um vento frio assustador

Por Katia Fadel Barioni          Moro num sobrado há 20 anos, e nos últimos dez nunca mais ninguém tocou a campainha para pedir comida. Há dois meses, pelo menos três pessoas têm pedido comida todos os dias, pessoas diferentes.  Estou assustada e muito...

Lula é meu herói

  Por Marinês Lazzaron            Lulinha, meu amor. Ao se falar sobre o Lula, não tem como deixar de falar da gente, porque ele tem se esse dom de ser do povo, da vida e do sonho de todo mundo que trabalha e vive sob essa base cruel da pirâmide capitalista....

Cidadania urgente: Basta de autoritarismo jurídico

    Manifesto dos intelectuais contra o Estado de Terror Basta de autoritarismo no uso seletivo e partidarizado praticado por setores do Judiciário, do Ministério Público, da Polícia Federal, estimulados pela grande mídia oligopolizada. É com indignação que nos manifestamos contra o...

Um olhar expressivo

    Por Sarita Coêlho     Ao ver mais uma vez tantas acusações contra Lula baseadas em SUPOSIÇÕES PRESUNÇOSAS pode-se deduzir que vão tentar de tudo para impedir a recuperação do PT e a possível candidatura de Lula 2018. Mas vamos aos fatos: Perante as leis em princípio todos...

Dilma, mulher forte, sim senhor!

   Por Luiz Alberto Silva          Que você não goste da Dilma, não discuto. Você tem todo o direito. Você é livre (ou era?). Ademais, há muito tempo reparo que o povo, de um modo geral, apoia os bandidos. Adoram grandes traficantes, adoram homens que xingam...

Esta seção está em branco.

Artigos