VOLTA VANA

 Por Malu Aires       

 

 

Aos militantes sem causa, hoje difamadores por profissão, meu recado: não mordo isca podre. Este é também meu conselho aos militantes do "Anula". 

Essa gente obtusa quer nossa luz para iluminar a desinformação, frustração e o derrotismo que eles incitam. Deixem latir enquanto a cara Vana avança e brilha no mundo contra o golpe.

Não canso de avisar que a tática de atacar pessoas é política, não pessoal. Atacam pessoas porque não podem atacar uma ideia democrática, legalista, constitucionalista, sem que sejam severamente questionados pela falta de coerência. Atacam quem está ao lado de Dilma e, não os subestimem porque querem, com isso, atacar Dilma, enfraquecê-la porque, nessa etapa do golpe, a direita terceirizou seu trabalho sujo.

O STF está ocupado por golpistas? Sim. A diferença é que nós não aceitamos o uso de nossas instituições por inconstitucionalistas e lesas-pátrias. Nossos detratores sim.

Deve ser mesmo muito triste, nessa altura do campeonato, em pleno golpe de Estado, preferir estar cercado de cegos de inveja, canalhas que já me disseram admirar mais Serra que Dilma, misóginos e machistas ocos de plantão, que de militantes de coragem, muitos destes que lutam desde a ditadura de 1964. Me sinto muito honrada de militar ao lado destes heróis.

O que os incomoda? É que não nos dobramos às causas enfraquecidas por um golpe aceito tão bovinamente? A cada dia, o movimento pelo Anula se vê mais fortalecido com adesões de políticos de esquerda e com os recentes pronunciamentos de juristas brasileiros e internacionais, críticos a um impeachment fraudulento e tecnicamente anulável.

A cada dia, Dilma Rousseff se vê mais fortalecida pelo Movimento Anula. Nós não a abandonamos por respeito à democracia e à presidenta eleita pela maioria do povo brasileiro - Dilma é nossa presidenta legítima até 2018. Aceitem! A confissão do Temer, as novas provas anexadas por Cardozo, a arrepiante palestra de Luigi Ferrajoli, os pronunciamentos de Paulo Pimenta, a coerência jurídica do Eugênio Aragão, sobre estes assuntos, estes desarticuladores covardes não fazem postagens difamatórias.

Se estamos todos em guerra e se alguns deformadores de opinião preferem atacar a nós e poupar o golpe, nosso desprezo às iscas podres deles é a nossa melhor estratégia. Não alimentem os perfis e páginas desses trolls.

O tempo passa e vemos as redes dessa gente operando, exclusivamente, ao desserviço. O futuro político de Lula está, dia a dia, mais ameaçado pela falta de comprometimento e pela falta de uma militância virtual honesta destes caluniadores. 
A nossa militância segue firme para retomar nossa democracia a tempo de tornar Lula candidato eleito em 2018. Aviso a quem insiste curtir essa gente por pirraça pessoal: quem já jogou a toalha por Dilma, jogou por Lula há bem mais tempo. Depois vai ser tarde chorar pelo golpe tão desonestamente vendido como irreversível.

E, aproveitando o assunto, aos desavisados que vez ou outra me perguntam "Gente, para que brigar?", os digo: faça essa pergunta a estes boquirrotos virtuais. Quem curte e compartilha difamação, calúnia, fofoca, está precisando buscar aulas de cidadania e política com outros professores.

Nós aqui, como já repararam, temos o futuro da 5ª maior nação do planeta a defender, colocar nos eixos da democracia a vida de milhões de brasileiros, conscientizar o povo brasileiro dos direitos perdidos à partir do impeachment fraudulento, denunciar ao mundo o golpe em curso e que pretende durar mais de 20 anos, resumindo: nota-se que temos mais o que fazer que estes fuxiqueiros desocupados.

Volta Dilma, para a gente deixar todos os seus inimigos com ainda mais cara de tacho!

 

 

  Sérgio Arruda

Mais recente: MISSA NEGRA

    

Ana Paula Romão      

Mais recente: RESUMO DA SEMANA

 

 Renato Uchôa 

Mais recente: A FACE OCULTA DO GOLPE 

 

Ana Liési Thurler
 Mais recente:   Percalços inescapáveis do capitalismo

 

Luiz Francisco Guil

Mais recente: ENTRE PERDIDOS E ACHADOS                       

                
 

links

Esta seção está em branco.

OPINIÃO

Cidadania urgente: Basta de autoritarismo jurídico

    Manifesto dos intelectuais contra o Estado de Terror Basta de autoritarismo no uso seletivo e partidarizado praticado por setores do Judiciário, do Ministério Público, da Polícia Federal, estimulados pela grande mídia oligopolizada. É com indignação que nos manifestamos contra o...
+

Um olhar expressivo

    Por Sarita Coêlho     Ao ver mais uma vez tantas acusações contra Lula baseadas em SUPOSIÇÕES PRESUNÇOSAS pode-se deduzir que vão tentar de tudo para impedir a recuperação do PT e a possível candidatura de Lula 2018. Mas vamos aos fatos: Perante as leis em princípio todos...
+

Dilma, mulher forte, sim senhor!

   Por Luiz Alberto Silva          Que você não goste da Dilma, não discuto. Você tem todo o direito. Você é livre (ou era?). Ademais, há muito tempo reparo que o povo, de um modo geral, apoia os bandidos. Adoram grandes traficantes, adoram homens que xingam...
+

Estratégia, onde estais?

      Por Paulo Carneiro Aonde está a estratégia do pós GOLPE? Alguém sabe me dizer, qual foi a estratégia da Dilma, do PT, ou de quem quer que seja, antes do golpe, para impedir o GOLPE? Pois é, eu, estou aqui no Facebook, há anos, sempre defendendo a legalidade, sempre alertando...
+

Tchau

                                Por Mirian Mantovani Tchau, Querida!    Tchau, Cultura!      Tchau, Cotas!        Tchau, Índios!        ...
+

es-Notícias

O Golpista

                                                                                    ...
Leia mais

Eu acredito é na luta

                                                                                   ...
Leia mais

O recado

                                                                                   ...
Leia mais

AO PREFEITO ARTUR NETO

                                                                                    ...
Leia mais

Olá amigos/as

                                                                                   ...
Leia mais

RESPOSTA À DIREITA E AO PIG

                                                                                   ...
Leia mais

ACREDITAMOS NO BRASIL!

                                                                                   ...
Leia mais

Artigos