O encontro marcado, o início do fim

 

                                                                                                        

                                                                                               jornalggn.com.br  

Por Gabriela Souto

Eis a origem de todo o ódio que irrompe no Brasil nos últimos tempos, inspirada em leituras de Darcy Ribeiro e Marilena Chauí. Faz pouco mais de uma década, não havia Brasil. Essa é a verdade: o que havia era um prolongamento histórico do Modelo Colonial Açucareiro, Casa-Grande e Senzala - infamemente chamado de país. No qual se via, de um lado, uma minoria rica usufruindo confortavelmente da força de trabalho de uma maioria pobre, de outro, e, no meio disso, uma classe média branca. Desesperadamente tentando se passar por rica, buscando estar nos espaços dos ricos e negando o Brasil solenemente. A ascensão econômica e o desenvolvimento humano e social promovidos nesse país nos últimos anos produziram um espaço (não exatamente público, mas um espaço potencialmente compartilhável por quase todas as camadas sociais, na realidade um conjunto fragmentado de espaços privados vinculados ao capitalismo de serviços) chamado Brasil. Mas, lamentavelmente, não se criou uma nação chamada Brasil. De modo que agora os que sempre foram servidos e os que sempre serviram estão juntos nos mesmos lugares, lugares até então frequentados para fins de obtenção de prestígio unicamente pelos que sempre foram os privilegiados, e onde os que sempre foram marginalizados apenas serviam esses seus senhores. Acontece que esse encontro, que é uma novidade, opera sob uma nova dinâmica social, na qual os de pele mais escura não necessariamente estão servindo os de pele mais clara em troca de um pouco de feijão e farinha. E dessa situação inédita e quase que democrática - que ameaça a crônica desigualdade. Portanto, apavora os que imaginavam que seriam para sempre de uma casta superior. Emerge o rancor, aflora o conflito, escancara-se o racismo, proclama-se todo tipo de estupidez contra negros e pardos, sejam eles brasileiros ou estrangeiros. As indignações, absolutamente vergonhosas, se referem à perda de exclusividades e à ideia absurda, mas de acordo com a mentalidade brasileira que ainda é escravocrata, de que não se pode servir a negros e pardos porque negros e pardos é que devem servir e sempre de forma subalterna, submissa e cordial.

 

  Sérgio Arruda

Mais recente: MISSA NEGRA

    

Ana Paula Romão      

Mais recente: RESUMO DA SEMANA

 

 Renato Uchôa 

Mais recente: A FACE OCULTA DO GOLPE 

 

Ana Liési Thurler
 Mais recente:   Percalços inescapáveis do capitalismo

 

Luiz Francisco Guil

Mais recente: ENTRE PERDIDOS E ACHADOS                       

                
 

links

Esta seção está em branco.

OPINIÃO

NOTA DE REPÚDIO DA UFPB

  A Reitoria da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) vem reiterar sua indignação e manifestar repúdio à ação de condução coercitiva de dirigentes da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), em operação que apura supostos desvios na construção do Memorial da Anistia. Em 6 de dezembro, o...
+

A FACE EXPLÍCITA DO TERROR

     Por  Vânia de Farias                     O que poderia levar dois jovens aparentemente bem sucedidos a cometer um ato monstruoso desses? Já nasceram psicopatas ou foram perdendo a...
+

ANOTA AÍ COMPANHEIRO/A

 Por Cleusa Slaviero          Ontem o Zeca me enviou o texto que Aldo Fornazieri publicou sobre a Nota do PT, só tive tempo de ler de madrugada, quando li tudo o que recebi ontem e me inteirei das notícias do Brasil e do mundo. Que decepção tão grande a opinião de...
+

SEM PERDÃO

 Por Inês Duarte        Mais uma vez encontro-me aterrorizada, indignada e quase em pânico diante da possibilidade da prisão de Lula. Não posso admitir em hipótese alguma, a prisão de um homem que conquistou os brasileiros e o mundo, com a política mais humanizada que já...
+

O GOLPE DESDE O PRINCÍPIO TEM SIDO BEM DOLOROSO.

 Por Cristiane Barreto        Num certo período da minha vida eu chorei uns dias seguidos, por um problema aparentemente sem solução. E que atingia direto no peito e eu ia para a cama e chorava, nada de reagir. Não conseguia, doía muito. O tempo passou, andava que nem zumbi...
+

O AMIGO DE SÉRGIO MORO

                                   Por Moisés Mendes                                           ...
+

O PAPEL DOS COVARDES

 Por Cleusa Slaviero            A presunção dos que atacaram Dilma até derrubá-la deu lugar a um silêncio culpado e envergonhado. É muita covardia. Reclamavam dia e noite do governo Dilma e do PT, imputando a eles todos os males do país....
+

NOTA PÚBLICA

  Gabinete da Reitoria                                            Entrega de Título de Doutor Honoris Causa ao ex-presidente Lula quarta feira, 16/08/2017. O Gabinete da Reitoria da...
+

NO CAMINHO DAS TREVAS

  Por Silvana Ferrari                Quer saber, eu cansei de ver fotos-montagens com a presidenta Dilma em cima de um caminhão de mudança cheio de tralhas e até um cachorro, com a legenda "Fora Dilma, Leve o PT Junto" Foram tantas as ofensas e...
+

es-Notícias

O Golpista

                                                                                    ...
Leia mais

Eu acredito é na luta

                                                                                   ...
Leia mais

O recado

                                                                                   ...
Leia mais

AO PREFEITO ARTUR NETO

                                                                                    ...
Leia mais

Olá amigos/as

                                                                                   ...
Leia mais

RESPOSTA À DIREITA E AO PIG

                                                                                   ...
Leia mais

ACREDITAMOS NO BRASIL!

                                                                                   ...
Leia mais

Artigos